O Jardim Cântico dos Cânticos

O Jardim Cântico dos Cânticos

Uma obra profética, reveladora, onde uma Deusa Isis e que é a própria Rosa, a amada de Sarom, excede a postura de uma Cleopatra antiga e incompreendida unificando definitivamente o mundo, o futuro.”Amado, acorda, saia deste engôdo, enxerga-me, deixe este teu medo de ser dominado por uma educação que te aprisionou, liberte-se das correntes de Set. Veja-me como Tirza a cidade Real de Canaã, não sou a ti a cidade real, não sou eu que a trago ao mundo nestes tempos apocalípticos, Canaã a verdadeira dominada pelas extensões das bençãos de Noé em Moisés eregindo uma das sete cabeças da prostituição até Enoque a de Malaalel continuadas por Josué. Peor. ”