Kant

Kant

Immanuel Kant (1724-1804), conforme nossa autora Rainha do Sul, é um continuador da luta da Escola de Mersenne e profundamente influenciado por Descartes e que apresenta em sua obra a Crítica da Razão Pura e contra a corrupçao a base de manuseio e compreensão do módulo de signo arqueológico, Santo Graal, intitulado por este autor como sendo o ‘objeto a priori’. Suas defesas que trazem uma nova física e matemática, o Trivium que sempre existiu na arqueologia dos fatos e história dialética, coloca em xeque-mate o ’empirismo’ Aristotélico de uma ciência construtora do ‘homem singular’ ao qual se manifesta como um doxa ou repetidor de fórmulas, incapaz de compreender como estas fórmulas são construidas e compreendidas estoicamente na análise Universal e por isso em obra Kant clama e indgnado ou mesmo intolerante a corrupção o Tribunal da Razão Pura. Para compreender melhor estas defesas sugerimos a leitura da Coleção dos Gênios de Rainha do Sul.

paradigma

O Novo paradigma é um site 'revelador' que discute temas sobre o Santo Graal da Ciência e Espiritualidade resgantando na arqueologia e História a Primeira Filosofia, Metafísica, Teoria das Cordas, Quântica, Física e Tecnologias.